Saiba como ter uma casa mais sustentável

Saiba como ter uma casa mais sustentável

Sustentabilidade é uma palavra que chegou para ficar no vocabulário dos brasileiros. Mais do que discutir sobre, muitas pessoas estão tentando colocar esse conceito em prática no dia a dia.

É possível fazer a diferença mesmo através de pequenas ações: desde investir em lâmpadas de LED, que não possuem materiais tóxicos em sua composição, até o reuso da água. Com hábitos simples começamos a formar um lar  sustentável. 

Cinco dicas para ter uma casa mais sustentável

Coleta seletiva

É uma medida simples, mas que ainda não é tão popular em todo o Brasil como deveria ser.  A iniciativa é essencial em qualquer casa que deseja se tornar mais sustentável.

Comece criando o hábito de separar seu lixo em orgânico e não orgânico. E entre em contato com a companhia de limpeza da sua cidade para solicitar a coleta seletiva de sua casa. Caso seu município ainda não disponibilize a coleta seletiva, procure a cooperativa de reciclagem mais próxima.

Entenda a diferença entre os resíduos:

Lixo orgânico

  • Restos de comida
  • Alimentos estragados
  • Fezes de animais
  • Madeira

Lixo não orgânico

  • Papel
  • Metal
  • Vidro
  • Plástico

Pratique a reciclagem no dia-a-dia

Quem disse que um objeto quebrado ou sem uso deve ir direto para o lixo?  Com criatividade e boa vontade, é possível transformar antigos produtos em novos objetos. Uma dica legal sobre reciclagem é tentar criar móveis com os materiais reaproveitados, como puffs de garrafa pet. Além disso, é possível dar novas finalidades para objetos que você já não usa mais. Assim a aquela camisa velha, pode virar uma caminha para seu pet. 

Se você ainda não tem conhecimento em DIY (do it yourself, ou faça você mesmo), procure tutoriais na internet. Há um enorme leque de possibilidades. Inspire-se na natureza, onde nada se perde e tudo se transforma!

Prefira lâmpadas de LED

A iluminação é outro fator importante em uma casa sustentável. Procure modelos que não tenham materiais tóxicos, já que não prejudicam nem o meio ambiente e nem a saúde da família.

Opte por lâmpadas de LED, que também não emitem calor, diferente das fluorescentes e das antigas incandescentes. Elas ainda proporcionam uma economia de cerca de 80% na conta de luz, devido à alta eficiência energética e possuem grande durabilidade (cerca de 25 mil horas).


Aparelhos com selo Procel A

A eficiência energética de todos os aparelhos é indispensável para a sustentabilidade de seu lar. Dessa forma, na hora de comprar, pratique o consumo consciente. Prefira sempre produtos com selo Procel A, que consomem menos energia elétrica.

Vaso sanitário com caixa acoplada

Combater o desperdício de água é uma importante missão para quem deseja tornar sua casa mais sustentável. Existem algumas medidas tão simples quanto importantes a serem tomadas. 

A escolha do sistema de descarga e do modelo de vaso sanitário são fundamentais para economizar água. Muita gente não se dá conta, mas os modelos mais antigos chegam a gastar entre 12 e 24 litros de água a cada utilização.

Por esse motivo, escolha vasos sanitários com caixas acopladas, que consomem  seis litros de água a cada uso. Se a descarga possuir 2 botões de acionamento, a economia é ainda maior : o botão destinado a resíduos líquidos consome  somente três litros de água.

Reutilize água do ar condicionado

A água eliminada pelo seu aparelho de ar condicionado não precisa ser jogada fora. Basta usá-la para limpar a casa e o automóvel. Também é possível regar as plantas com ela.

Viu como pode ser simples tornar sua casa mais sustentável? Compartilhe com a gente suas práticas e ideias para contribuir com a preservação do meio ambiente no cotidiano.

 

***Este post é um publieditorial***